sábado, 5 de abril de 2014

Imagina que louco vestir o que quiser

Há uns dias atrás um amigo visitou o HM e disse que sentiu falta de postagens mais pessoais. Pensei, pensei, pensei.. porque não? A partir de hoje vou tentar mostrar um pouco mais de mim. Uma parte que eu nunca fiz muita questão de mostrar aqui no blog. Espero que a partir de agora, apesar das nossas queridas futilidades de sempre, isso se transforme em algo mais profundo e que vocês possam me conhecer melhor. Já que uma parte dos posts aqui são sobre moda, meus looks e essas coisinhas, vou começar falando sobre mim e minha relação com meus looks e roupas no dia-a-dia.


Pra começar: em dias normais eu não tenho a mínima paciência para me produzir antes de sair de casa. *boom* Imagina que louco você gastar uma hora a mais pra sair de casa porque tem que escolher roupa e se maquiar, quando essa mesma hora poderia ser mais uma hora de sono. Lógica desgraçada essa minha, hein? Mas é assim que eu penso todos os dias às 5:45 da manhã quando acordo e tenho que me enfiar em baixo de um chuveiro gelado pensando no ônibus lotado que enfrentarei. Só pego a primeira roupa não amassada do meu guarda roupa - achar isso no meu guarda-roupas é uma tarefa muito difícil - e caio no mundo. Pra não dizer que sou uma extrema relaxada, ainda consigo pensar um pouco na minha pele, por isso quase nunca saio de casa sem protetor solar e lip balm. BB Cream no máximo, se estiver de bom humor. E é só. Resultado: tem dias que saio de casa parecendo que ainda estou na cama. Óbvio que tem dias que uma ocasião pede que a pessoa faça um esforcinho e desenrole aquela make básica pro dia ou escolha o look na noite anterior, mas é raro. Se qualquer um de vocês me vir na rua em dias normais, não me reconhecerá. Eu gosto de vestir roupas largas, jeans surrado, short curto, calças saruel, tênis surrado, camiseta roubada do irmão.. sem falar nos chinelos. Não tem coisa mais confortável pra se calçar do que um bom e velho chinelo de borracha e os meus quase não saem dos meus pés. Eu amo chinelos. O mundo odeia chinelos. Como lidar com isso?

meus olhos brilharam só de ver essa imagem, adeus vida.

Sou tão preguiçosa que até pra me importar com o que os outros dizem é difícil. Sou super a favor daquela coisa de não ligar pro que os outros falam e ter sua própria cabeça, seu próprio estilo e usar as roupas que quiser. Você já acordou com aquela vontade de sair com uma melancia pendurada no pescoço? Ou dar uma voltinha de burca no shopping? Ou ainda sair de hot pants por aí, mostrando as pernocas de fora? Entendo que existem lugares que exigem determinada etiqueta, determinada forma de se portar - o que as vezes pode ser muito incômodo -, determinado código de civilidade e conduta, normas para um bem comum.. mas olha, se tal forma de vestir te faz feliz, porque não apenas ignorar as outras pessoas? Sou ultra relaxada, mas não me entendam mal, não é que eu não goste de uma produção a mais, mas é que de manhã cedo eu não consigo raciocinar. Só de conseguir me arrastar de casa até a faculdade já é um milagre dos céus. Bom.. falei, falei, falei, falei e não disse nada, no final das contas. 

Fundo moral do post: não olhem torto quando virem uma pessoa - vulgo eu - parecendo que saiu de casa de pijamas, provavelmente ela não é uma má pessoa, só tem dificuldade de ter qualquer ação que exija muito do intelecto - como escolher um look decente e se maquiar - antes das dez da manhã.

Ray Menezes
@colombiiina

5 comentários :

  1. Amei! Eu também não me importo com o que os outros dizem, afinal de contas, se fossemos escutar tudo o que os outros tem para dizer, você acaba que nem vivi

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
  2. Nossa, essa sou eu todos os dias. Só quando eu estou com um ótimo humor, que ai sim eu já preparo a roupa um dia antes e só acordo, tomo banho, como alguma coisa e saio. E a maquiagem que eu coloco é bem simples, e quando to com preguiça de calçar tênis ou algum outro sapato que machuque meu pé (tipo sapatilha), vou de rasteirinha ou chinelo mesmo.

    Bitocas!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  3. Adorei o post e o Blog seguindo.
    Beijos da Drica
    http://dricapati.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ai Mariazinha eu queria tanto ser assim desencanada que nem tu mulher!
    Não sou dessas que ficam dias se arrumando na frente do espelho, mas também não consigo ligar o "fuck you" e não ligar pras caras feias das pessoas quando a gente passa.
    E como as pessoas julgam! Ou porque você está desarrumada, ou porque você está arrumada, ou porque você está diferente... Que coisa né?
    Por exemplo, eu odeio chinelos, me machucam os dedos, :/
    No verão, como a gente mora na praia, eu gosto mesmo é de pé descalço! Mas as pessoas julgam, vê se pode! Andam tudo de salto na areia! Ah, peloamor! Se você quer passar trabalho e arriscar torcer o pé, problema seu, eu vou andar descalça! Só queria ter essa coragem o ano todo, né?
    Beijão Maria <3

    ResponderExcluir

Olá! Obrigada pela visita! Se quiser deixar um comentário falando sobre o que você achou do blog/post eu ficarei muito feliz e faço questão de retribuir a sua visita, se você deixar o endereço do seu blog :3 Até breve! ❥